25 de setembro de 2010

A Marca de Kushiel (O Legado de Kushiel, Livro 2)

Autor: Jacqueline Carey
Género: fantasia histórica
Editora: Saída de Emergência | Nº de páginas: 400
Nota: 5/5

Resumo (do livro): Para trás ficaram Terre d'Ange e as intrigas palacianas, a Corte das Flores da Noite, os amados Delaunay e Alcuin, os amigos, patronos e tudo o que para Phèdre evoca a palavra "casa"... Para trás ficaram também a herdade e a familiaridade da sua ternura tosca, a gentileza das suas mulheres e a beleza das suas cantigas...

Diante de Phèdre abre-se agora a incógnita de um destino de cativeiro às mãos do cruel Waldemar Selig, no ambiente hostil da sua herdade e das suas gentes... O desvendar da ameaça que paira sobre Terre d'Ange, dos planos de um poderoso comandante e dos traidores d'Angelines.

Pela pena de Phèdre, afrontamos o Mais Amargo Inverno através da vastidão skáldica, o retorno a Terre d'Ange e a oportunidade de salvar tudo o que lhe é mais querido.

Traição, guerra, desafio, imolação, amor e redenção. Logrará Phèdre fazer jus à Marca de Kushiel e concretizar esse sonho tão ansiado?


Opinião: O livro pega onde o primeiro ficou e se aquele apresentava as personagens, nomeadamente Phèdre que relata então a sua história, focando-se o volume anterior na sua “formação”, neste já recorremos com menor frequência à lista de personagens que se encontra no início do livro (e tão útil no primeiro volume) e acompanhamos a personagem principal nas suas aventuras e desventuras para evitar que Terre d’Ange caia nas mãos dos Skaldi.

Esta segunda parte do primeiro volume original tem assim mais acção e é quase impossível colocar o livro de lado. Gostei do desenvolvimento da intriga, de como todas as peças se parecem juntar. Gostei também do desenvolvimento das personagens. Destaco o Príncipe dos Viajantes, que faz uma escolha difícil (e já agora, adorei toda esta parte nas 3 Irmãs), Joscelin, que se torna num verdadeiro Cassiel, cedendo no entanto a algumas tentações, e Ysandre que já tinha suscitado interesse na primeira parte, parece uma monarca digna e consciente do que a espera, não admirando que suscite a lealdade da personagem principal. Melisande, a vilã, também está muito bem conseguida sendo também fácil de perceber o porquê do fascínio que exerce sobre Phèdre.

Com personagens construídas de forma belíssima e uma intriga que nos mantém presos ao livros, é sem dúvida uma série a seguir, até porque este volume deixa uma porta aberta para um outro volume e, sinceramente, mal posso esperar por o ter nas mãos.

3 comentários:

Elphaba J. disse...

Eu estou em falha. Já devia ter lido este livro, agora sinto que terei de voltar a ler o Dardo Kushiel para poder interiorizar a história novamente. É um mundo complexo mas sem duvida belíssimo. =)

WhiteLady3 disse...

Se tiveres a história bem presente não é preciso releres, é praticamente a continuação natural do livro anterior. Mas lê-o, é magnífico e o próximo parece estar para breve! :D

Book Addict disse...

Tenho estes livros na sua versão em inglês (apenas 1 livro) mas confesso que a "dimensão" do livro me tem assustado um bocado... Se calhar está na altura de pegar no livro de uma vez por todas ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...