10 de setembro de 2014

O Resgate do Soldado Ryan

Realizador: Steven Spielberg
Escritor: Robert Rodat
Atores: Tom Hanks, Edward Burns, Matt Damon

Mais informação técnica no IMDb.

Opinião: Adoro (e dizer isto soa-me sempre mal) ver coisas que se passem ou se debrucem sobre a 2.ª Guerra Mundial. Nunca li muito mas em termos cinematográficos e televisivos tem dado origem a muita coisa boa. No entanto, coisas há que surgem e retratam a época mas que pouca ou nenhuma curiosidade tenho em ver e este filme era uma dessas coisas. Sim, acho que já disse por diversas vezes e volto a repetir, por vezes apetece-me esbofetear o meu "eu" passado.

Para começar tenho de falar do meu... eu não diria ódio porque não conheço o senhor, pelo que é mais um "não ir à bola com a cara" do Tom Hanks. Não consigo explicar porquê, há simplesmente pessoas com quem não consigo simpatizar e ele é uma dessas pessoas, pelo que o facto de ser um dos protagonistas tirou qualquer vontade (que como disse nunca foi muita) de ver o filme no passado. Mas o meu irmão, como guru de muita coisa que tem qualidade (vês, eu até falo bem de ti :D), lá me obrigou a ver o filme quando percebeu que vivia debaixo do mesmo teto com alguém, aparentemente tida por ele, herege. :D E sim, agradeço-lhe o ter-me obrigado a ver porque, Tom Hanks à parte, este é um épico filme de guerra. Nem que o filme fosse apenas os 20 minutos iniciais! Aquilo é uma cena brutal e um dos melhores retratos (parece-me) de uma batalha. Aquilo é cruel, um autêntico massacre e perante imagens como esta pergunto-me constantemente como é que raio esta gente não parece aprender? Como é que volta e meia há conflitos e se permite que coisas destas aconteçam? Como é que se dá tão pouco valor à vida humana? Enfim...

A premissa parece-me um pouco irrealista, apesar de a entender e até considerar nobre tal ato, mas como os personagens não pude deixar de questionar se um deles valia assim tantos homens. Mas tirando isso, ou até por causa disso, este é um muito bom filme e junto-me ao coro do pessoal que não entende como é que o "Shakespeare in Love" ganhou o Óscar de Melhor Filme. Adoro o filme e curiosamente tem outro ator com o qual não simpatizo, o Joseph Fiennes, mas é de longe um filme inferior, mesmo só considerando os tais vinte e pouco minutos iniciais.

Veredito: Vale o dinheiro gasto.

2 comentários:

Rita disse...

É um filme excelente, já vi há alguns anos, tenho que o rever! Além disso o Tom Hanks é um actor bastante versátil e muito bom naquilo que faz, seja que filme for!
Bjs*
____
http://blog-thebookmark.blogspot.pt
Rita

WhiteLady3 disse...

Não digo que o Tom Hanks não seja versátil, mas não sou a maior apreciadora do seu trabalho. :P

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...