14 de fevereiro de 2009

Valkyrie/Valquíria

Informação técnica no IMDb.
Director: Bryan Singer
Escritores: Christopher McQuarrie e Nathan Alexander
Actores: Tom Cruise, Kenneth Branagh, Bill Nighy, Tom Wilkinson
Nota: 4/5

Devo confessar que não sabia que tinham existido planos alemães para afastar, ou mesmo matar, Adolf Hitler antes de tomar conhecimento deste filme, pelo que tinha alguma expectativa. Expectativa, essa, que não foi defraudada.

Baseado então em factos verídicos, seguimos uma conspiração militar, onde se encontram envolvidos mesmo oficiais do topo da carreira militar que, descontentes com o caminho que Hitler estava a tomar e temendo que a Alemanha ficasse deste modo perdida, engendram um plano para matar Hitler e pôr, deste modo, fim à guerra. Adaptam então uma operação aprovada por Hitler, a Unternehmen Walküre (“Operação Valquíria”), concebida para ser colocada em prática no caso de um qualquer distúrbio interno que colocasse em causa o seu governo. Esta operação é reescrita de modo a que seja então possível levar a cabo um golpe de estado. No entanto, para tal ser colocado em andamento, seria preciso assassinar Hitler para assim se efectuar a tão desejada troca governamental. O Coronel Stauffenberg (Tom Cruise) é então encarregado dessa missão.

Todo o elenco foi muito bem escolhido e só lamento não ter visto mais Kenneth Branagh, um dos meus actores preferidos. Não há um único actor que se destaque, todos eles trabalham bem em conjunto, constituindo um núcleo sólido que é capaz de nos deixar em suspenso, mesmo que saibamos de antemão o que aconteceu, já que afinal o resto está nos livros de História. A banda sonora também flui bem com a história, contribuindo para o suspense e para a carga emocional das diversas cenas.

Muito bom, mais não seja pela lição de História. Faz-nos pensar nos muitos “e se” que poderiam ter mudado a História.

Para mais sobre a tentativa de assassinato, podem sempre consultar a Wikipedia.

5 comentários:

Canochinha disse...

Tenho lido críticas bastante negativas à prestação do Tom Cruise e como não gosto particularmente dele, em princípio não estou a pensar ver este filme...

WhiteLady3 disse...

Não está assim tão mal como o pintam. Também não sou grande fã do actor, mas acho que um filme vale pela história e não pelos actores, se bem que estes contribuem bastante. :D Neste é a história que mais se destaca e acho que é pela história que se deve vê-lo. ;)

slayra disse...

Hei-de ver este depois de "desenjoar" um pouco de filmes sobre a II Guerra! Ainda há pouco tempo vi o "Defiance" e este período não é o meu preferido, mas a premissa parece interessante.

Também não sabia que tinham havido tentativas para assassinar Hitler. ^^

Francisco Norega disse...

Por acaso tenho andado de olho neste filme, e com a tua opinião fiquei ainda mais curioso! : D

Pena o dinheiro não nascer das árvores xD Estão tantos filmes bons no cinema! ^^

WhiteLady3 disse...

Slayra, eu por acaso gosto bastante deste período. Das roupas e mesmo o período histórico. Acho que é daqueles cuja a proximidade temporal ainda não nos dá uma visão mais neutra das motivações nazis, só vemos o extermínio.

Francisco, por acaso eu não sou muito adepta de ir ao cinema, a não ser com companhia boa e são poucos os filmes que quero mesmo ir ver ao cinema. Mas este aconselho. A certa altura ouve-se "O Cavalgar das Valquírias" enquanto há um bombardeamento, fez-me arrepiar como já tinha acontecido no V de Vingança.

E sim, é pena que o dinheiro não nasça das árvores. :D

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...